Funcionário da Comissão de Trabalho na Austrália será Investigado por ter Figures Ecchi

Funcionário da Comissão de Trabalho na Austrália será Investigado por ter Figures Eróticas

Funcionário da Comissão de Trabalho na Austrália será Investigado por ter Figures Ecchi

Cara… o que tem de errado com a Austrália?

Recentemente tivemos o caso de um senador australiano que pediu pelo banimento de animes como Sword Art Online, Eromanga Sensei etc, e agora veja isso.

O vice presidente da Fair Work Commission, o senhor Gerard Boyce, recebeu várias reclamações por conta de suas figures de anime exibidas em seu escritório, algumas pessoas reclamam delas serem eróticas.

Desde então, Boyce retirou suas 20 figures e uma câmera de segurança que ele havia instalado em seu escritório.

A senadora trabalhista Deborah O’Neill disse que algumas das queixas apresentadas se referem as figures como “eróticas”. O senador questionou a adequação da nomeação de Boyce com base em sua exibição de figures. O senador liberal James McGrath avisou o senador O’Neill sobre seu interrogatório. O senador respondeu: “Estou aqui para defender mulheres no local de trabalho que não devem ser expostas a esse tipo de intimidação grosseira”.

A ministra das Relações Exteriores, Marise Payne, ecoou o sentimento de que “qualquer conduta no local de trabalho que deprecie ou desrespeite as mulheres é completamente inaceitável”. Payne pretende discutir a questão com o Ministro das Relações Industriais e o procurador-geral australiano Christian Porter.

A gerente geral da Fair Work Commission, Bernadette O’Neill, concordou que as figures eram “inapropriadas” e não tinha certeza se alguns deles estavam com topless. Ela não descreveu as figures em detalhes além de dizer que uma era do sexo feminino e o outro pode não ser humano. O’Neill não viu as figures, mas viu fotos delas.

“Minha lembrança era de uma figure do sexo feminino, e a outra não tenho certeza se é humana… honestamente, não consigo me lembrar da segunda”, disse O’Neill sobre as figures nas fotos. Boyce supostamente criou as figures eles mesmo como um hobby, porém ao menos uma delas era de um anime, que não foi especificado.

Ela não tinha certeza se Boyce foi aconselhado sobre a câmera de vigilância e as figures e responderá ao Senado no futuro. Ela observou que Boyce afirmou que a câmera era “falsa ou certamente não estava funcionando e a removeria”.

O senador trabalhista Tony Sheldon descreveu as ações de Boyce em relação à câmera como uma “violação horrenda dos padrões do local de trabalho em qualquer local de trabalho”. Tony Burke, porta-voz das relações trabalhistas, afirmou que o comportamento de Boyce “minaria a confiança no profissionalismo da Comissão” e disse que ele era a “última pessoa que deveria ser um árbitro do que é justo no local de trabalho”.

O provedor de seguros do local de trabalho do governo, ComCare, planeja iniciar uma investigação de saúde e segurança com base nas alegações do comportamento de Boyce. A executiva-chefe da ComCare, Susan Westin, disse ao Senado que planeja registrar uma questão de Trabalho, Saúde e Segurança que incluirá um investigador designado.

Gerard Boyce foi nomeado para a Fair Work Commission em 2018. A Fair Work Commission é uma agência governamental criada em 2009 como um órgão independente encarregado de aplicar o salário mínimo, condições de emprego, rescisão de contrato de trabalho e outros regulamentos industriais.

…….

Eu tenho uma figure só em casa, que é dessa aqui:

Funcionário da Comissão de Trabalho na Austrália será Investigado por ter Figures Eróticas

Será que eu seria preso por ter ela na Austrália? Só curiosidade mesmo.


Apoie a VSA! Doe pelo Paypal, Curta a gente no Face, Insta e Twitter! Compre Mangás na Amazon e não vá para a Austrália!

Compartilhe!!