Pesquisa diz que Maioria dos Jovens Japoneses quer que Legislação caia sobre Redes Sociais

Pesquisa diz que Maioria dos Jovens Japoneses quer que Redes Sociais tenham Legislação

A Nippon Foundation realizou uma pesquisa online com 1.000 japoneses entre 17 e 19 anos para saber quais redes sociais eles mais usam.

Apesar de eu achar 1.000 pessoas um número baixo para esse tipo de assunto, vamos olhar né.

Abaixo você confere quais são as plataformas sociais mais usadas pelos Japoneses, o Line fica em primeiro com 97,8%, o Twitter em segundo com 81,8%:

E agora vem, 75,5% de quem respondeu acha que as redes sociais precisam de uma legislação, isso por conta de problemas sociais que elas criam, como descriminação contra trabalhadores da saúde por conta do Corona ou abusos, como ocorreu com a Kimura Hana, do Terrace House.

Devido a tais questões, 75,5% dos entrevistados pensam que é necessária uma legislação das redes sociais. As principais razões apresentadas incluem 64,1% dizendo que as pessoas que estão sendo abusadas ou caluniadas precisam ser protegidas, 61,7% que há muitas expressões que equivalem a calúnia, 40,4% que precisa haver regulamentação de postagens ilegais e 39,2% que leis mais rígidas impediriam as pessoas de postar comentários caluniosos.

75,2% de quem respondeu considera as redes sociais parte essencial para a vida:

Enfim, comentem o que vocês acham do assunto.


%d blogueiros gostam disto: