Grupo Feminista que reclamou de Colaboração da Polícia com VTuber diz que não solicitou retirada do vídeo

Grupo Feminista que reclamou de Colaboração da Polícia com VTuber diz que não solicitou retirada do vídeo

Grupo Feminista que reclamou de Colaboração da Polícia com VTuber diz que não solicitou retirada do vídeo

Primeiramente eu publiquei sobre um caso que ocorreu em Chiba que envolveu a polícia e uma VTuber, mas vou resumi o ocorrido aqui.

Basicamente a polícia de Chiba entrou numa parceria com a Art Stone Entertainment, que cuida de vários talentos e entre eles VTubers.

Desde já a VTuber Linka iria participar de vídeos e campanhas na cidade de Matsudo, a própria Vtuber Linka já é focada em promover a cidade sabe.

VTuber foi considerada Misógina por grupo Feminista

Pois bem, você pode conferir o vídeo da colaboração deles abaixo, publicado no canal ligado da agência da VTuber, já que a polícia apagou o dela:

Enfim o que ocorreu e que um grupo feminista local chamado ”AFER” reclamou sobre a campanha, dizendo que a VTuber é ”uma garota menor de idade como um objeto de atração sexual”.

Assim elas reclamaram que ela usa uma mini-saia, deixa a barriga a mostra e que os peitos da VTuber balançam.

Grupo Feminista que reclamou de Colaboração da Polícia com VTuber diz que não solicitou retirada do vídeo
Grupo Feminista que reclamou de Colaboração da Polícia com VTuber diz que não solicitou retirada do vídeo

Agora por conta dessa reclamação a polícia de Matsudo resolveu deletar o vídeo da campanha em seu canal oficial e encerrar a parceria.

Dessa forma, Setsuko Itakura, representante da Art Stone, comentou o caso, falando que um dos seus objetivos como uma mulher operando o negócio, e de criar um ambiente que mulheres possam trabalhar livremente.

Enfim expressou sua surpresa e consternação ao ver o vídeo considerado “misógino” pelo grupo feminista.

Otakus reagem e apoiam a Vtuber

Agora quem também se envolveu na questão foi Minoru Ogino, politico que defende liberdade de expressão e que está contra a remoção do vídeo e da campanha.

Logo depois otakus cansados de censura criaram uma petição online dirigida a AFER, que exige que a organização responda a perguntas sobre como exatamente o vídeo constitui objetificação sexual e como ele estaria vinculado à violência sexual.

No momento desse post a petição já tem 56.410 assinaturas! (pessoal está cansado mesmo).

Ogino argumentou que, em sua tentativa de tirar uma VTuber da esfera pública, considerando suas roupas e forma corporal como “objetificação sexual”, a AFER está contradizendo os valores do feminismo ao apoiar a diversidade das mulheres e sua liberdade de apresentação.

Tal qual também destacou a cultura VTuber como um espaço de expressão da sexualidade e expressão de gênero livremente, e argumentou que estigmatizá-la como misógina é uma negação dos direitos dos membros das comunidades LGBT e crossdresser.

AFER recua e diz que nunca pediu para a Polícia retirar o vídeo

Dessa forma o grupo feminista AFER parece ter sentido o golpe de toda a repercussão e de toda a reclamação que fãs fizeram, pois em um comunicado recente o grupo afirmou que sua carta de reclamação era apenas para ”aumentar a conscientização” sobre o problema.

Agora a questão sobre deletar o vídeo foi decisão única da polícia de Chiba (que não teria tirado se elas não tivessem reclamado).

Kaoru Madusa é uma politica e representante da AFER, ela publicou o seguinte em seu perfil:

”Pessoal, eu não sei quanto poder vocês acham que um membro da assembleia geral tem, mas não tem como um pressionar a polícia em remover um vídeo”.

Então Itakura (a representante da VTuber) respondeu o seguinte:

”Eu senti uma forte pressão quando vi o nome de um membro da assembleia ligado a carta de protesto enviada a polícia. Além disso, em minhas conversas com a polícia, eu cheguei ao entendimento de que havia membros da polícia que sentiram o mesmo. Fiquei preocupada se era uma questão que deveria ficar quieta, mas acho que remover as coisas não é a solução, depois de ouvi a voz dos cidadãos, decidi falar”.

Enfim o que vocês acham do caso? Sendo sincero, CANSADO de gente querendo censurar os outros, querendo falar que você é isso e isso, bom que o pessoal está reagindo.

Agora olha só, o caso ganhou proporções grandes agora que a mídia japonesa já reportou sobre o assunto viu:

 

Sites Consultados: Petição JP, Hachime, Yaraon, ANN


A Attack Comic Shop está oferecendo novos mangás no seu site com 10% de desconto, aproveite enquanto são novos!!!

Agradecimentos da Você Sabia Anime

Enfim gostaria de agradecer a todos que estão apoiando a Você Sabia Anime, seja se tornando membro ou doando para o site (Pix: ( [email protected] ).. sua contribuição ajuda muito a VSA a continuar ativa!

Arigas Maou XxGlaucioxX
🌟 Arigas Maou Roxo
Arigas Maou MrPanqueca
🌟 Arigas Yuusha Will
Arigas Yuusha Kagarashi 
🌟 Arigas Yuusha Andore
Arigas Yuusha Vitor Saggioro
🌟 Arigas Yuusha Makise Kurissu
Arigas Yuusha Selrach
🌟 Arigas Yuusha Brako2197
Arigas Yuusha Arkfire
🌟 Arigas Yuusha Taipan
Arigas Yuusha Wenderson999
🌟 Arigas Yuusha New Wave
Arigas Yuusha GregoMacedonio
🌟 Arigas Yuusha Tgsilva
Arigas Yuusha kurama1221
🌟 Arigas Yuusha D4rk_ECYS
Arigas Yuusha Akugami
🌟 Arigas Yuusha kryohsz 
Arigas Yuusha Akari
🌟 Arigas Yuusha jackcalabresa
Arigas Yuusha alltry
🌟 Arigas Yuusha shinibk201

Hoss

Hoss é o criador da Você Sabia Anime, formado em Design, está estudando japonês, talvez coreano, está treinando desenho em uma mesa e começou a fazer lives no Youtube

%d blogueiros gostam disto: