Diretor Representativo da Toei Animation Quer Sangue sangue na Indústria de Animes

Diretor Representativo da Toei Animation Quer Sangue sangue na Indústria de Animes

Diretor Representativo da Toei Animation Quer Sangue sangue na Indústria de Animes

Diretor Representativo da Toei Animation Quer Novo Sangue na Indústria de AnimeA Toei Animation anunciou seu concurso “100-Year Anime Project” para o anime original na Quinta-Feira. O nome do projeto se origina de seu objetivo: criar um anime que “continue pelos próximos 100 anos”. O projeto permite que os participantes enviem propostas para um projeto de anime em um dos quatro “cursos” diferentes, cada um voltado para pessoas com diferentes níveis de experiência na indústria de anime, incluindo amadores.

O diretor representante da Toei Animation, Katsuhiro Takagi, afirmou que o projeto espera criar um anime que as pessoas não achem familiar ou similar a outros trabalhos. Ele descreve o projeto como uma novidade para a Toei, porque o estúdio nunca fez uma chamada pública para lançamentos de anime que seja aberta a amadores. “Queremos emprestar a força das pessoas do lado de fora”, disse ele.

Takagi também expressou seus pensamentos sobre o estado atual da indústria de anime. Ele disse que apesar do grande número de animes sendo feitos, ele sente que apenas um pequeno número deles são hits. Ele falou da luta para criar coisas que são artisticamente satisfatórias e comercialmente bem-sucedidas. Ele continuou: “É por isso que quero que as pessoas com ideias usem esse projeto. Desenvolvemos o know-how por muitos anos para que um produto seja bem-sucedido”.

Segundo Takagi, o anime tem o poder de mudar o “senso comum” da época. Quando ele se juntou pela primeira vez à Toei, havia uma percepção de que anime era apenas para crianças. No entanto, o grande anime é capaz de atrair todas as idades e sexos. Um exemplo específico que ele deu de uma série que foi capaz de derrubar o senso comum da época foi Dr. Slump de Akira Toriyama, que apresenta uma garota de óculos e roupas casuais. Antes disso, a abordagem convencional das heroínas era fazê-las ter olhos grandes, cabelos loiros, roupas bonitas, mas como Arale era mais realista, ela era capaz de atrair as garotas. Takagi também citou Sailor Moon como uma série subversiva para o seu tempo por ser um show Super Sentai com um elenco feminino.

Para encerrar, Takagi disse: “Acho que não está longe o dia em que o anime passará por uma nova mudança de paradigma. Não quero que nossa maneira de pensar seja rígida; quero que esse projeto dê origem a novas idéias. Na verdade, as pessoas que não tiveram muito a ver com a indústria do anime até agora são menos propensas a serem constrangidas pela necessidade de lucrar ou a imitar sucessos passados. Eles podem usar sua imaginação livremente. Estou realmente ansioso para ver que tipo de novos lançamentos nós teremos”.

O “Curso A” do “100-Year Anime Project” é para quem não tem experiência em animes ou mangás. O “Curso B” para aqueles que têm experiência de trabalho na indústria, e podem apresentar propostas detalhadas que podem entrar em produção rapidamente. O “Curso C” busca propostas para um remake do anime de televisão Ikkyuu-san. O “Curso D” será para animadores experientes, artistas de fundo e designers de suporte que apoiarão projetos de anime.

Cada curso terá um grande prêmio, vice-campeão e menções honrosas por propostas. Os vencedores terão os respectivos prêmios em dinheiro de ¥1,000,000 (R$35,738.9), ¥500,000 (R$17,869.5) e ¥300,000 (R$10,721.7).

O anime original da série de televisão Ikkyuu-san de 1975-1982 da Toei Animation é vagamente inspirado por Ikkyuu Soujun, um monge budista da vida real que viveu no Japão do século XV. A história imagina a infância de Ikkyū como um monge em treinamento no Templo Ankokuji.


Gosta do Conteúdo da Você Sabia Anime? Considere apoiar a gente no nosso Catarse ou doando diretamente pelo Paypal!

Page no Facebook – Meu Perfil no Twitter – Nosso Instagram